(51) 3340-2999 (51) 99311-2889
BLOG
Voltar

Benefícios da alimentação saudável no combate ao coronavírus

Benefícios da alimentação saudável no combate ao coronavírus


Dormir bem, ter uma alimentação saudável e praticar atividade física são algumas das recomendações feitas pelo Ministério da Saúde. O consumo de alimentos ricos em vitaminas e minerais não evitam a contaminação do vírus, mas contribuem para manter a saúde imunológica forte. O sistema imunológico ou imune, consiste em um conjunto de células, tecidos e moléculas com capacidade de combater as doenças infecciosas que agridem o nosso organismo. 

A imunidade é dividida em inata e adquirida. A primeira delas, refere-se ao tipo de defesa do organismo que está presente nos indivíduos saudáveis.  Preparada para bloquear a entrada de microorganismos e combater os que conseguirem entrar, o centro de atividade imunológica inata é o sistema digestivo, devido a alta concentração de microorganismos na região. Em contrapartida, a imunidade adquirida é o tipo de defesa promovida pelos próprios patógenos ao invadirem o organismo onde o sistema imune é estimulado a produzir células especializadas para combatê-los.


O consumo de alimento salutífero é um dos grandes aliados para a nossa saúde. Para incentivar a prática de hábitos saudáveis e deixar a imunidade em dia, trouxemos algumas dicas da Nutricionista clinica e esportiva, Renata Moura. 


De acordo com a nutricionista, para que o indivíduo esteja com a imunidade fortalecida nesse momento de pandemia, é preciso que ele evite o consumo de alimentos que parecem saborosos, mas que na verdade não trazem benefício algum à saúde. “Pessoas com baixa imunidade irão apresentar uma resposta imunológica defeituosa, ficando mais suscetíveis às infecções. Por isso, é importante diminuir o estresse sobre o sistema digestivo, dessa forma, a imunidade inata conseguirá ficar livre para trabalhar contra possíveis vírus. Evitar a ingestão de açúcar, bebidas alcoólicas e alimentos industrializados é fundamental nesse processo”, explica.


Outro fator importante destacado pela profissional é o controle da ansiedade. “O indivíduo que apresenta  ansiedade e estresse, acaba comendo compulsivamente. Essa prática não é recomendada em nenhum período do ano, principalmente, nesse por qual estamos passando. É importante que ele ocupe a cabeça realizando exercícios físicos e leituras, a adoção desses hábitos pode diminuir as tensões e medos causados pelo novo coronavírus”, afirma.



Alimentos que contribuem para o fortalecimento da imunidade:


A mudança de hábitos alimentares não acontece de um dia para o outro. Por isso, é importante que você acrescente aos poucos na sua alimentação os novos ingredientes para que eles se tornem uma prática contínua. Para te ajudar nesse processo, separamos uma lista com alguns exemplos e suas respectivas funções para o organismo. Confira!


- Cenoura, mamão, manga, acerola, limão, laranja, abacaxi, abacate, tomate, brócolis, repolho, espinafre, couve, amendoim, castanhas, amêndoas, nozes e ovos, são alimentos ricos em vitaminas antioxidantes (A,C e E) que atuam na produção das células de defesa do organismo como linfócitos e anticorpos.


- Linhaça, chia, nozes, sardinha, salmão e atum são alguns dos alimentos que possuem ácido graxo (ômega 3), essencial para a produção de anticorpos e células de defesa.


- Frango, feijão, lentilha, semente de abóbora, alho e espinafre possuem micronutrientes (zinco)  essenciais para o sistema imune, sendo fundamental na maturação e diferenciação dos linfócitos.


- Além de frutas, legumes e verduras os temperos e especiarias também exercem funções importantes para manter o sistema imunológico saudável. Confira alguns exemplos:


- Alho e cebola: Apresentam compostos bioativos que atuam na produção de células do nosso sistema de defesa. Além disso, possuem função antibactericida e anti-inflamatória;


- Alecrim: Melhora a digestão e estimula o sistema imunológico;


- Cúrcuma ou Açafrão: Possui função anti-inflamatória;


-Tomilho: Um antioxidante bom para o funcionamento dos pulmões;


- Pimenta do reino: Auxilia na absorção de nutrientes;


- Gengibre: Assim como o alho e a cebola, o gengibre também atua como antibacteriano e anti-inflamatório;


- Canela: Melhora a circulação e tem função antimicrobiana;


- Cravo da índia: Protege contra toxinas ambientais - substâncias tóxicas causadas por organismos vivos, que podem causar problemas de saúde.



Alimentos saudáveis não são ruins!


Para mostrar que as opções saudáveis são igualmente saborosas, Renata Moura desenvolveu duas receitas para você preparar no conforto da sua casa. Uma dica importante é colocar a criançada para ajudar no preparo.  Assim, todos participam e se divertem juntos nessa quarentena. 


Pão de queijo funcional:
 


Ingredientes:


02 ovos inteiros;

08 colheres de azeite de oliva extra virgem;

01 xícara de queijo picado (pode utilizar o de sua preferência);

01 xícara de batata doce cozida;

½ xícara de água;

02 xícaras de polvilho azedo;

01 colher de sopa de chia;

01 colher de chá de sal;

Pimenta do reino a gosto.


Modo de preparo:


Amasse a batata doce, em seguida,  adicione os outros ingredientes. Misture tudo até formar uma massa homogênea. Ao atingir o ponto correto da massa, modele pequenas bolinhas. Leve ao forno pré aquecido em 180ºC por aproximadamente 35 minutos. A receita rende cerca de 20 unidades de pão de queijo.



Bolo de Cacau sem glúten:


Ingredientes:


03 ovos inteiros;

03 colheres de manteiga ou óleo de coco;

01 xícara de água;

01 xícara de aveia sem glúten

02 xícaras de farinha sem glúten;

06 colheres de açúcar mascavo;

02 colheres de cacau em pó 100%;

01 colher de fermento para bolo;


Modo de preparo da massa:


Bata no liquidificador os ingredientes molhados, em seguida, misture o conteúdo aos ingredientes secos. Após misturar tudo, coloque a massa em uma forma untada e leve ao forno pré aquecido em 180ºC por aproximadamente 35 minutos.


Ingredientes para a calda:


04 colheres de açúcar mascavo;

02 colheres de leite em pó;

02 colheres de cacau em pó;

01 colher de manteiga;

150 ml de água.


Modo de preparo da  cobertura:


Misture todos os ingredientes secos com a água e leve ao fogo médio. Assim que estiver fervendo, acrescente a manteiga e misture até ficar com a consistência desejada. 


Gostou das dicas? Compartilhe com seus amigos e familiares! E não esqueça, se fizer a receita, nos marque utilizando as hashtags: #plusveiculosnaquarentena e #nutricionistarenatamoura que postaremos o resultado em nossos stories! 

 

Últimos Posts

AVANCE DIGITAL